Mediunidade na infância: como identificar esse momento

19 fev 2021 - Tags:, ,

Mediunidade na infância Pixabay

As pessoas são consideradas como médiuns quando se comunicam de forma clara com os espíritos, mas isso não quer dizer que elas têm que ser adultas para fazer isso!

A mediunidade na infância é algo muito mais presente no nosso mundo que imaginamos, até porque as crianças têm uma imaginação muito mais permissiva e intuitiva, se deixando abrir para o contato com coisas que muitas vezes os adultos não acreditam existir.

A comunicação com entidades e espíritos tende a aumentar quando a criança começa a dar suas primeiras palavras. Observar o que os adultos fazem geralmente é a primeira interação dos pequenos com qualquer coisa ao seu redor, e na maior parte dos casos, as crianças não têm medo de presenças ao seu redor, sem entender o que elas são e pensando que está tudo bem.

Isso faz com que elas consigam observar e entrar em contato entidades com muita facilidade. Toda criança que manifesta a sua mediunidade logo cedo geralmente costuma ter contatos bem positivos, podendo enxergar espíritos protetores e até mesmo amigos de vidas passadas. Por conta disso é super comum ver crianças rindo sem motivo algum!

Mediunidade na infância

Pixabay

Pixabay

Mediunidade na infância: como lidar com isso

É bem difícil encarar a mediunidade de uma criança com facilidade. Para os pais que são um pouco mais céticos, as coisas podem ser um pouco mais complicadas, mas é importante que você entenda e encare tudo com bastante naturalidade.

As crianças que são médiuns são extremamente saudáveis, geralmente não possuem nenhum sinal de depressão ou de apatia. Se o seu filho vier conversar com você sobre alguma coisa que ele viu, ou sobre alguma pessoa com quem ele conversou, fale com ele de forma bem tranquila, sem se espantar com nada, já que esta é uma das melhores formas de você conseguir entender o que está acontecendo.

É importante também nunca acusar a criança de estar mentindo, já que isso pode fazer com que o pequenino negue a sua mediunidade e acredite que está eventualmente com problemas psicológicos. Por outro lado, incentivar essa habilidade também não é o melhor caminho, já pode fazer com que ele se desinteresse pelo mundo físico.

Uma boa opção é buscar apoio em um centro espírita que seja de sua confiança, ou até mesmo em um psicólogo. De uma forma ou de outra, o importante é que você faça um acompanhamento de seu filho para que ele possa passar por esse momento sem ter nenhum problema, quem sabe até trabalhando com mediunidade no futuro!

Mediunidade é um assunto comum e bem frequente em nosso blog, que você pode conferir agora mesmo!

Conheça nosso Blog!

O ano começou e já é hora de dar presentes para as pessoas que você ama. Em tempos onde estamos todos em casa, temos uma sugestão incrível para você!

Nomeie uma estrela!