Valentine’s Day: porquê o Brasil não comemora no dia 14 de fevereiro

OSR blog post

O dia 14 de fevereiro é conhecido no mundo inteiro como um dos dias mais românticos do ano. Ele é chamado de Valentine's Day, o Dia de São Valentim, e comemora o que, para os brasileiros, é o Dia dos namorados.

Mas o Brasil é um dos únicos ”diferentões” que não comemoram no 14 de fevereiro. Aqui no Brasil, o Valentine’s Day é comemorado sempre no dia 12 de junho. Ele fica bem perto do Dia de Santo Antônio, que é reconhecido como um santo casamenteiro.

Mas a realidade é que o motivo dessa mudança foi simplesmente comercial, e nada religiosa! A ideia de mudar o dia do Valentine’s Day veio de um publicitário chamado João Doria, o pai do então prefeito de São Paulo. Ele era dono da agência Standard Propaganda, e foi contratado pela loja Exposição Clipper para melhorar as vendas de junho, que sempre eram fracas.

Doria resolveu apostar em uma data comemorativa para trocar presentes, o Valentine’s Day, que virou o Dia dos Namorados. Junho foi escolhido por causa disso, para aquecer as vendas de uma loja! O dia 12 foi escolhido por motivos religiosos, até porque Santo Antonio é bem conhecido no Brasil inteiro como um santo casamenteiro.

Valentine’s Day: como é no Brasil e como surgiu no mundo?

Pixabay

Pixabay

Doria conseguiu unir o útil ao conveniente para seu cliente, e criou uma propaganda que ”lacrou” esse dia no coração do brasileiro. A data pegou, e atualmente o Dia dos Namorados é a melhor data para o comércio dentro do país, junto com o Dia das mães e o Natal.

Mas qual a origem do Valentine’s Day? Bom, o Dia de São Valentim é comemorado em várias partes do mundo. Ele começou a ser celebrado lá no século V, e a explicação mais famosa sobre como esse dia começou a ser comemorado é que São Valentim era um padre romano. Ele foi morto pelo imperador Cláudio II, que proibiu os casamentos. Valentim lutou contra essa decisão, e acabou se tornando um mártir.

Mas a verdade é que isso foi uma jogada da Igreja para transformar uma festa pagã que celebrava a fertilidade, o começo da primavera, e a união do masculino com o feminino, em algo que fosse aceitável para eles e para a população! No fim das contas, não se sabe realmente como o Valentine’s Day começou a se espalhar com tanta força, mas temos certeza que você pode comemorá-lo aqui no Brasil, mesmo sendo um pouco fora de época, não é mesmo?

Pixabay

Pixabay

Para conhecer mais sobre o universo, o cosmos, as estrelas, e até mesmo sobre a astrologia, não deixe de visitar o nosso blog!

Leia nosso blog

E se você ainda não sabe que presente dar para a pessoa que você mais ama, a gente tem uma boa dica que pode lhe tirar dessa dúvida. Que tal nomear uma estrela para homenagear o seu parceiro ou parceira? É bem simples, a gente lhe explica como!

Nomeie uma estrela